segunda-feira, 12 de abril de 2010

Resto do Tour




Depois de uns dias de intervalo, regresso ao meu tour, para o tentar acabar. Vamos ver se nada me atrapalha. Seguindo pela rua que nos leva ao centro, numa quinta-feira ou num sábado, temos o mercado. Neste mercado vende-se tudo, desde do edredon cor-de-rosa de cetim, passando pelos bolinhos feitos em casa, até fruta e legumes biológicos.



Como podem ver na fotografia em baixo, eu não sabia, mas os meus primos Hall aqui da ilha têm uma Farmville, e vendem os seus produtos no mercado de Loughborough.



Mais adiante, passo pelo Mcdonalds e fecho os olhos para não cair em tentação. Deus no céu e Mcdonalds na terra, é a minha fé!
Deixo o centro da cidade para trás.


É uma cidade pequenina, mas tem direito a semáforos e autocarros de dois andares. Ainda não percebi bem o trajecto que fazem, uma vez que eu vou ao centro da cidade num pé e volto no outro.
O sol está uma brasa, e os ingleses parecem osgas. Todo o banquinho em que se possam sentar, lá estão eles a apanhar sol. Se puderem ter uma Pint ou um copo de vinho branco na mão tanto melhor (e como eles ficam convencidos quando bebem vinho, devem pensar que deixam de ter aquele ar de campónios com as faces rosaditas).

Subo então ao meu mundo! Onde normalmente perco 30 minutos a 1 hora, cada vez que resolvo entrar no Tesco. Tantas coisas diferentes e boas! É um mega supermercado, que abriu à cerca de um mês, só para me alegrar!

Já com os sacos das compras na mão, saco mais uma vez da máquina fotográfica para mostrar que também aqui há um rio, não é bem o Tejo, nem sequer o Tamisa, e nem sequer sei se tem nome. Mas pelo menos menos por lá passam barcos...Será que tem algum iodo, que no verão me possa vir a dar alguma cor se lá for tomar uns banhos de sol?

Nenhum comentário: